quarta-feira, 24 de maio de 2017

Confira os autores que estarão na SketchCON I – Art Convention


Como o Universo HQ divulgou anteriormente, no dia 11 de junho, domingo, no Jazz Restô e Burgers (Largo Dona Ana Rosa, 33, Vila Mariana, ao lado metro Ana Rosa, São Paulo/SP), das 13h às 18h,
 com entrada franca, acontece a SketchCON I – Art Convention, promovido pela Editora Criativo.

O evento será uma oportunidade de conhecer vários artistas brasileiros, reunidos num grande encontro de desenhistas, com o lançamento de mais de 40 álbuns da coleção SketchBook CUSTOM, além de 25 caixinhas de cards, da coleção Post Art Collection, com a presença de mais de 60 autores.
“Sketch”, originalmente, significa esboço ou rascunho que um desenhista faz, um desenho rudimentar. Mas essa vertente gráfica foi se alterando com o tempo. Hoje há sketchs que são verdadeiras obras finalizadas com nanquim ou outra técnica distinta, que cada artista, dentro de seu estilo, prefira usar.

Cada autor da coleção apresenta, em seu livro, sem textos explicativos, trabalhos autorais dos mais simples aos mais complexos, feitos em distintos momentos de sua carreira, de maneira misturada.
São desenhos em preto-e-branco que compõem cada álbum, desde esboços de vinhetas (ícones pequenos, criados para ilustrar situações em reportagens) até obras maiores, repletas de elementos e detalhes de acabamento.

Confira os autores que estarão no evento:
Adriana Yumi, Airon, Alexandre Jubran, Alexandre Santos, Alvaro de Moya, Anna Solano, Bira Dantas, Cah C Poszar, Cayla Ortega, Cesar Cavelagna, Chairim Arrais, Cora Ottoni, Dadí, Daniel Brandão, Daniel Vardi, Davi Sacramento, Denis Jesus, DIOX, Edgar Franco, Edna Lopes, Eduardo Schloesser, Emílio Catrufo, Fabio Laguna, Fausto Bergocce, Fernanda Rocha, Franciele Nonato, Gazy Andraus,  Jeferson Aguiar, João Pinheiro, João Zero, Júlio Shimamoto, Klebs Jr, Laudo, Letícia Yukie Tamayose, Lily Carroll, Luke Ross, Marcelo Campos, Marcos Venceslau, Mari Santtos, Mario Latino, Mateus Machado, Mauro Souza, Mauricio Moreira, Max Andrade, Mayara Rodrigues, Melody, Natalia Forcat, Neide Harue, Nicolas Stalfackar, Nicoly Boaventura, Novaes, Omar Vinõle, Pablo Vitor, Panis, Paulo Paiva, Paulo Setúbal, Renata Celi, Ricardo Haw, Roberta Cirne, Roberto Kohama, Roberval Sales, Sam Hart, Spacca, Synnöve Hilkner, Tako X, Talessak, Tetisuka, Thales Gaspari, Thiago Spyked, Thyago Bastos, Tico Pedrosa, Toni D’Agostinho,  Ulisses Basto, Valéria Yuuki, Verde, Wanderley Felipe e Wilson Kohama.

Os títulos estão em pré-venda, com 20% de desconto. Fonte: http://www.universohq.com.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Revista Mundo dos Super-Heróis 89 - Dossiê Mulher-Maravilha


A Mundo dos Super-Heróis 89 traz uma detalhada reportagem sobre o aguardado filme da Princesa Amazona, que promete muita diversão e fidelidade aos gibis. É a grande chance da Warner/DC de alavancar de vez seu universo nos cinemas.

O dossiê traz ainda uma reportagem sobre as HQs da Mulher-Maravilha nas várias guerras que participou e os detalhes da Ilha Paraíso, o lar da heroína.

Para completar, essa edição a Mundo traz uma ilustração exclusiva de capa (e pôster interno) criado pelos artistas nacionais Sam Hart e Tarsis Cruz, com o passo a passo de todo o processo.

Outras reportagens da Mundo 89 - Entrevista com Paul Pope - Em mais uma visita ao Brasil, o criativo quadrinhista fala dos seus trabalhos alternativos e de sua fértil associação com o Batman

Dreadstar - Toda a jornada do herói espacial criado pelo quadrinhista Jim Starlin, uma saga conhecida por sua complexidade e sucessivas mudanças de editoras

Cobertura CCXP Tour - Realizada em Recife, PE, a versão da Comic-Con Experience foi marcada pelo caloroso e intenso contato entre seus artistas e o público. Conheça os detalhes

Capitão América versus Caveira Vermelha - Símbolos de ideologias opostas, a rivalidade entre os dois personagens atravessou o tempo e reservou conflitos memoráveis

Gavião Arqueiro - Como a série do herói, criada por Matt Fraction e David Aja, modernizou antigas fórmulas da Marvel e mudou a forma de fazer quadrinhos

Faces do Superman - Conheça os vários atores que interpretaram o Homem de Aço, com interpretações memoráveis no cinema e na TV, além de curiosos bastidores

100 anos de Jack Kirby - Nossa homenagem em 12 capítulos ao Rei dos Quadrinhos continua. Nesta edição falamos da trajetória de Kirby nas HQs da editora Atlas (que se tornaria a Marvel)

Na Prancheta - O brasileiro Diógenes Neves explica seu processo de criação de uma página de quadrinhos Action-figures

As novidades da Abrin, a principal feira de brinquedos que adianta o que será lançado nos próximos meses

Universo Marvel/DC - O pesquisador Roberto Guedes comenta os casos em que os quadrinhos de super-heróis foram usados para passar polêmicas e curiosas mensagens subliminares

Desafio dos heróis - Teste seu grau de nerdice

Peneira Pop - Notícias e curiosidades sobre o mundo dos quadrinhos e da cultura pop - Recebemos - Resenhas de HQs e uma seleção de quadrinhos de autores independentes - Superleitores - Mensagens, críticas, elogios e outras coisas enviadas pelos nossos leitores

Para mais detalhes sobre nosso sistema de assinatura, ligue (11) 3038-5050 ou 0800 8888 508 ou acesse www.europanet.com.br/superheroi
Aproveite também nossas promoções na compra de edições anteriores.

VERSÃO DIGITAL
Todo o conteúdo da Mundo dos Super-Heróis está à venda também no site
www.europadigital.com.br. 

sexta-feira, 19 de maio de 2017

1º HQ Fest Indaiatuba no Shopping Parque Mall está com inscrições abertas



Evento, marcado para 16 de setembro, é destinado aos fãs de quadrinhos, comics, nerd, geek e cosplay

Estão abertas as inscrições para os artistas expositores interessados em participar do 1º HQ Fest Indaiatuba, que acontecerá no Parque Mall. O evento está agendado para 16 de setembro (sábado), das 9h às 16h, e conta com organização do Estúdio EMT.

Os interessados em expor seus trabalhos devem reservar suas mesas através do telefone (19) 98157-3786 e também pelo e-mail estudioemt@gmail.com.
Uma ficha de inscrição será enviada e o artista deverá preenchê-la e reenviá-la para ser analisada pelos organizadores.

Serão disponibilizadas 50 vagas.

O festival é destinado aos fãs de histórias em quadrinhos (HQs), comics, nerd, geek e cosplay. Na ocasião, serão realizados lançamentos e vendas de revistas e livros HQs, produzidos por quadrinhistas de Indaiatuba, da região e também de São Paulo.

O festival contará ainda com a presença de cosplayers, pessoas que se vestem caracterizando personagens. Neste caso, não é necessário fazer inscrição com antecedência, basta comparecer com sua fantasia no Parque Mall, para tirar fotos e se divertir. O HQ Fest realizará também debates entre quadrinhistas convidados que serão divulgados posteriormente

Este será o primeiro evento do gênero em Indaiatuba. “Nunca houve um evento desse aqui na cidade, somos os pioneiros. O mais interessante é que normalmente este tipo de evento a entrada é paga. No Parque Mall será gratuito e aberto ao público”, informa o organizador e cartunista Moacir Torres. “Há pessoas de todas as regiões interessadas em participar, por isso acredito que teremos muitos visitantes.” De acordo com Torres, o festival contará com outras atrações, as quais ainda serão definidas.

Para o administrador do Parque Mall, Antonio Graziano, o objetivo é proporcionar um diferencial aos visitantes do shopping. “Queremos que nossos clientes realmente passem momentos divertidos aqui no Parque Mall”, diz. “Por isso oferecemos bons serviços e produtos, através de nossos lojistas parceiros, além de eventos com o foco cultural.”

Além do Parque Mall, o 1º HQ Fest Indaiatuba conta com o apoio do Colégio Episteme, do site Nerd Interior e do Geek’s Bar N Store.

Sobre o Parque Mall
O Parque Mall é um empreendimento da JMalls, empresa da incorporadora e construtora Jacitara, e está localizado em uma região nobre de Indaiatuba, no Jardim Pau Preto, ao lado do Parque Ecológico. O centro de conveniências e serviços conta com um agradável Deck Gourmet e deliciosas opções de alimentação.
O local conta com 330 vagas de estacionamento e reúne um mix de lojas e serviços importantes como o Poupatempo, o Detran e os cartórios de Registro de Imóveis e o de Notas, Protestos de Letras e Títulos – Tabelionato Mesquita.

SERVIÇO
1º HQ Fest Indaiatuba
Data: 16 de setembro (sábado)
Horário: Das 9h às 16h

Endereço: Rua das Primaveras, 1.050. Estacionamento: R$ 3 – período de três horas iniciais/R$ 1 – a cada hora adicional.
Inscrições: telefone (19) 98157-3786 e e-mail estudioemt@gmail.com
Evento gratuito

“Política nos Quadrinhos” é o tema de Maio, no Espaço HQ - SP.


A edição de maio do projeto Espaço HQ apresentará o bate-papo “Política nos Quadrinhos”. Os quadrinistas Henrique Magalhães, William Medeiros, Américo Filho e Gustavo Seabra irão conversar sobre a relação dos seus trabalhos com a política e como enxergam a temática na produção nacional e internacional de histórias em quadrinhos, charges, entre outros gêneros. A programação tem a tradicional feira de quadrinhos e o encontro acontece no sábado (20), das 15h às 18h, na Gibiteca Henfil do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa. A entrada é gratuita.

As HQs têm uma relação íntima com a política mundial, seja nas charges que outrora estampavam praticamente todos os periódicos, seja nas produções de graphic novels de jornalismo em quadrinhos ou nas tirinhas, que têm sido muito utilizadas, principalmente hoje em dia na internet para declarar posicionamentos políticos e pensar a atualidade. Daí a relevância do tema.

O Projeto – Desenvolvido pela Funesc, o projeto Espaço HQ vem realizando regularmente atividades voltadas a esse segmento de produção, como oficinas, laboratórios, discussões, palestras e vivência entre profissionais e amadores da área. A primeira ação do projeto ocorreu em outubro de 2014 com o Laboratório de Quadrinhos, ministrado por Thaïs Gualberto. Desde então, novas edições aconteceram regularmente, passando a fazer parte da agenda permanente da Funesc. A ideia é reunir interessados no tema para um momento de interação, além de convidá-los a frequentar as atividades de HQ da Funesc, que tem fornecido espaço para a divulgação e comercialização do trabalho autoral de quadrinistas locais.

Feira de Quadrinhos – Nove mesas disponíveis para vender ou trocar quadrinhos autorais, exemplares da própria coleção e outros itens relacionados, como ilustrações, estatuetas, camisas, adesivos; dando-se preferência à venda de HQs próprias. Não é necessário pagar nenhuma taxa e para se inscrever basta enviar um e-mail para funesc.quadrinhos@gmail.com, informando o material que pretende levar à feira.

Henrique Magalhães – Henrique Magalhães nasceu em 1957 em João Pessoa. É Mestre em Ciências da Comunicação pela ECA-USP e Doutor em Sociologia pela Universidade de Paris. Ensina no curso Comunicação em Mídias Digitais e no Mestrado em Comunicação da UFPB. Criou a editora Marca de Fantasia, que publica álbuns, revistas e livros. É autor de livros sobre fanzines e histórias em quadrinhos e criou a personagem de tirinhas “Maria” há 42 anos, que surgiu no bojo da cultura alternativa e de resistência em um contexto político de exceção. Em 1990, ele fundou a Gibiteca Henfil no Espaço Cultural.

William Medeiros – É paraibano de Campina Grande e radicado em João Pessoa, desde os anos 1980 atuando no humor e no design gráfico. Aos 15 anos de idade, começou a publicar caricaturas no jornal Diário da Borborema. Formado em Desenho Industrial, foi diretor de criação da Rede Paraíba de Comunicação e de 1997 a 2014 ilustrou todas as capas da revista Brasília em Dia, chegando à marca de mais de 800 capas ilustradas. Atua como ilustrador e designer gráfico no mercado editorial e publicitário de vários estados do Brasil. Foi premiado em diversos salões de humor, entre eles o Salão de Humor de Piracicaba, onde em 2013 foi selecionado para estar entre os homenageados da 40ª edição. No mesmo ano lançou Traços de Trinta, seu primeiro livro que resume sua trajetória de atuação como cartunista.

Américo Filho –  Com um trabalho diverso, Américo é formato em Artes Visuais pela UFPB e participa dos grupos de graffiti “Acervo 03”, de ilustração “DIA” e de humor na internet “Humor Aquoso”, trazendo em cada um destes uma vertente do seu trabalho. Com sua caricatura “O voo da patativa” foi um dos vencedores da última edição do Salão Nacional de Humor José Lins do Rego, realizado há quatro anos pela Funesc e sua exposição “Espera” esteve à mostra na Galeria Archidy Picado até o dia 9 de maio. Ilustrou para a editora Patmos as histórias em quadrinhos sobre Horácio de Almeida, Anayde Beiriz e João Pessoa.

Gustavo Seabra – Músico e ilustrador, Gustavo é graduado em Música pela UFPB e se relaciona com o mundo da ilustração e do design desde a infância e trabalha como freelancer na área desde 2011. Atualmente produz ilustrações que discutem questões estéticas, poemas e na página “Humor Aquoso” traz ilustrações e quadrinhos de conteúdo humorístico às vezes.

Serviço: Espaço HQ – edição de maio

20/05 (Sábado)

15h às 18h: Feira de Quadrinhos

16h às 18h: Bate-papo “Política nos quadrinhos” – convidados: Henrique Magalhães, William Medeiros, Américo Filho e Gustavo Seabr

Local: Gibiteca Henfil (Espaço Cultural José Lins do Rego)

Sobre o Press Release – Fonte: ZineBrasil.

quarta-feira, 17 de maio de 2017

“Miraculous” mostra as aventuras de Ladybug e Cat Noir no Theatro de Paulínia - SP.


O bem sucedido seriado As Aventuras de Ladybug foi adaptado para os palcos. Com músicas ao vivo, Miraculous ou Ladybug o Espetáculo promete cativar crianças de várias faixas etárias divertindo e entretendo.

Dirigido por Tiago e Jackson Guedes, o espetáculo aborda a história de Marinette, uma menina apaixonada por moda que vive os dilemas de uma adolescente comum. Mas, o que ninguém sabe é que ela também é uma super-heroína conhecida como Ladybug. Ela e seu parceiro nas lutas, Cat Noir, vivem muitas aventuras juntos.

O Theatro de Paulínia recebe o espetáculo no próximo dia 21 às 15 horas. Os ingressos já estão à venda na bilheteria do teatro ou no site com valores de R$50 (inteira) e 25 (meia).

Serviço:
Data: 21/05
Horário: 15h00
Ingressos: Inteira R$50,00 | Meia R$25,00

Vendas: na bilheteria do Theatro Municipal de Paulínia (Avenida Prefeito José Lozano de Araújo, 1551, Pq. Brasil 500, Paulínia/SP) ou no site www.bilheteriarapida.com.br. Fonte: http://www.kleberpatricio.com.br

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Rã Zinza busca colaboradores no Catarse


Zinza é uma rã mal-humorada que destila suas opiniões na Vacilândia desde 2010. Ela não poupa ninguém, critica artistas, a gourmetização, comentaristas de internet e políticos.
Esse é o segundo livro solo da personagem e o autor, Rafael Marçal, está com uma campanha na plataforma colaborativa Catarse para financiamento do livro, que terá formato 21 x 12 cm e 44 páginas – confira aqui como participar e as recompensas.
Marçal é ilustrador e quadrinhista desde 2009 e já publicou trabalhos independentes como Eu, BocóTico Tequila e os goles de sabedoriaRã Zinza – tiras cretinas e Rei Bocó. Fonte: UHQ.

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Inscrições para 9ª Bienal de Tango de Florianópolis - SC.


Evento oferece workshops de dança, espetáculos e milongas com orquestra
durante quatro dias.

Seguem abertas as inscrições para a 9ª Bienal de Tango de Florianópolis, que ocorrerá de 7 a 10 de junho, com workshops e bailes no centro de convenções do Majestic Palace Hotel e espetáculos no Teatro Ademir Rosa, no Centro Integrado de Cultura (CIC). Os participantes podem optar entre os pacotes completo, day use e de milongas ou ainda adquirir ingressos avulsos para os bailes e os shows. Restam poucas vagas na primeira modalidade, praticamente toda adquirida por cursistas de 14 estados e do Distrito Federal.

As aulas com 75 minutos de duração cada uma serão ministradas entre os dias 8 e 10, das 13h às 19h, simultaneamente a turmas de níveis iniciante, intermediário e avançado, por oito duplas de professores: Alejandra Gutty e David Palo, Guadalupe Garcia e Junior Cervila, Lorena Ermocida e Oscar Pey, Mariana Montes e Sebastian Arce, Romina Levin e Leandro Gomez, de Buenos Aires; Katia Rodrigues e Alexandre Bellarosa, de São Paulo; Mariana Casagrande e Daniel Oviedo, de Porto Alegre; Juliana Figueredo e Fabiano Silveira, de Florianópolis.
Eles também estarão presentes em todas as quatro noites de milonga para pequenas apresentações, acompanhados da Orquestra Típica Sans Souci, de Buenos Aires, e da musicalizadora Marcia Figueiredo, do Rio de Janeiro. Já nos dias 9 e 10, às 21h, os casais ministrantes e os músicos argentinos se exibirão no teatro em espetáculo de gala que terá a participação especial dos dançarinos selecionados para a maratona coreográfica, um curso exclusivo para profissionais dirigido por Mariana Montes e Sebastian Arce.
Uma grande equipe de monitores dará suporte durante as aulas e os bailes, garantindo que todos tenham par para aprender e se divertir.
Pacotes e ingressos
A aquisição de pacotes e ingressos para os bailes deve ser feita por meio do site www.bienaldetango.com.br, com opções parceláveis de pagamento em boleto bancário e cartão de crédito. As entradas para os espetáculos estão à venda nas bilheterias dos teatros Ademir Rosa, Álvaro de Carvalho e Pedro Ivo, como também no site www.blueticket.com.br.
Pacote completo: 12 aulas, coffee break, coquetel de abertura, quatro bailes e um espetáculo de gala. R$ 990 (até 25/5), R$ 1.290 (a partir de 26/5).
Pacote day use: quatro aulas, um baile e um espetáculo de gala, que deverão ser usufruídos no mesmo dia. R$ 450.
Pacote milongas: quatro bailes. R$ 300.
Ingresso baile: R$ 120.
Ingresso teatro: R$ 40 a R$ 120.
Aulas avulsas: inscrições somente no dia, conforme disponibilidade de vagas.
Valor a definir.
Bienal de Tango de Florianópolis
Site: www.bienaldetango.com.br
Facebook: www.facebook.com/bienaldetango
Telefone/whatsapp: (48) 98447-9394

1ª HQ FEST Indaiatuba - Reserva de Mesas para Quadrinhistas.


Reserve sua mesa na HQ FEST Indaiatuba, que acontecerá em Setembro no Shopping Parque Mall.
Contamos com sua participação.
Informações pelo e-mail.estudioemt@gmail.com ou (19) 98157-3786

terça-feira, 9 de maio de 2017

Lançamento - As HQs dos Trapalhões - Rafael Spaca - Estronho - Ugra

Divulgação

O Clube fechado - Crônica - Denison Lemos

Normalmente o mais sábio é fugir das normas, mas normalmente desenhistas e escritores tiveram momentos na infância e na juventude de uma solidão natural, não melancólica mas contemplativa da vida, do momento, do passado ou do futuro mas é recorrente ouvir histórias desses caras dizendo que não tinham uma turma, ou eram amigos de todo mundo ou não se identificavam muito com ninguém a ponto de renunciar a uma filosofia ou abraçar outra, são espíritos livres e mentes abertas de olhos contemplativos e corações compassionais.
A idéia de pertencer a um grupo sempre fez parte das grandes ambições humanas, muitos não se importam nem em estar de acordo com o que proporciona o bem a todos os seres desde que se  esteja de acordo com os ideais do grupo ao qual pertencem, mais uma justificativa para a solidão consciente da qual tantos criativos fazem por companheira, uma mente livre não se prende muito tempo a nenhum conceito pois entende e aceita a impermanência das coisas.
Os grupos fazem sucesso pois representam a combinação de muitas forças em prol de um objetivo comum, quando um grupo poderoso se junta pra lutar é praticamente impossível vencê-los, os X-men, os Power Rangers ou os Cavaleiros do Zodíaco são bons exemplos... E quando o sujeito trabalha sozinho mas é muito bom tipo o Batman ou o Superman, ele se torna um líder e forma um novo grupo de seguidores ou se junta a outros caras fortes que também trabalham sozinhos e também inspiram seguidores e assim vão se formando as conexões de prestígio, de influência e poder. Mas isso não é o mais importante nas formações dos grandes grupos, ou pelo menos não deveria ser,  o que justifica uma reunião de pessoas em torno de um objetivo comum é acima de qualquer outro valor , o conhecimento que é compartilhado, este e o verdadeiro poder e a verdadeira riqueza, quando mentes iluminadas se unem para divulgar, relembrar, compartilhar ou celebrar o conhecimento, dividir, somar e multiplicar as idéias de suas mente e inquietas às idéias das mentes dos seus semelhantes, envolver-se nas ideias alheias e desapegar-se das suas próprias, trocar ideias, e pra isso que servem os grupos de conhecimento
É sempre uma honra participar de uma produção editorial, ainda mais se leva o nome do meu amigo Rafael Spaca, meu parceiro de produções  criativas.
Cheguei à Ugras, uma discreta loja de quadrinhos na galeria de numero**** na rua Augusta.
Chego com o evento já começado mas não vejo ninguém até que descubro que a maioria já chegou, que estou sendo aguardado e só preciso descer as escadas em espiral que levam ao andar de baixo.
O espaço é pequeno para a quantidade de pessoas, quase todos conhecidos, muitos eu já tinha desenhado mas ainda não tinha visto pessoalmente.
Paredes brancas com prateleiras pretas cheias de livros, quadrinhos e publicações das mais variadas, profissionais e independentes, consagradas e iniciantes, todas com o mesmo objetivo, contar uma boa história.
As paredes eram cobertas com desenhos em preto e vermelho, em um telão um corvo preto anuncia o início do evento, seguido de cenas da publicação que estava sendo lançada, razão desta reunião e da presença de tantas pessoas ilustres.
Aproximo-me da mesa principal e tomo meu lugar ao lado do grande homenageado e autor da obra literária que está sendo lançada no dia em questão. Cada lançamento de um novo livro é um momento mágico na infinita história do Universo e um capítulo a mais na eterna história dos homens da Terra. Se o lixo é o receptáculo da nossa história, se chafurdamos o lixo dos nossos antepassados para entender melhor o lixo no qual vivemos hoje, o que pensar de um objeto que deixa um registro histórico para as futuras civilizações em forma de livro, de documento histórico ao invés de apenas lixo, só pra variar. É perfeitamente compreensível e pouca a pompa em torno do lançamento de um livro ou história em quadrinho se comparado à estreia de um espetáculo teatral que muitas vezes foi concebido a partir de um livro, de um filme no cinema que antes precisou ser um roteiro, de um desenho animado que passou por um storyboard ou foi baseado num personagem dos quadrinhos ou ate do um lançamento do novo álbum de um astro do pop ou do Rock que antes de ser escrito e planejado, estruturado e organizado, foi imaginado e sentido por alguém que teve uma grande necessidade de compartilhar aquilo com outras pessoas, buscar o entendimento dos semelhantes ou a explicação racional dos contestadores para suas dúvidas existenciais e bloqueios criativos. Criar é abrir a porta do mundo interior das emoções, encarar os sentimentos e desvendar as mensagens que o movimento intelectual organiza, apresentar as conexões que a combinação de tantas ideias produziu.
Spaca de vermelho ao centro, tendo ao seu lado direito Bira Dantas de camisa xadrez preta e branca e eu sem prévia combinação de camiseta Branca, todos representando a dualidade da luz e das sombras no claro e escuro  mas com o vermelho que é a cor do sacrifício fortemente presente naquele que dedicou seu trabalho, tempo e dedicação ao projeto, ou seja, o próprio autor.
Mas eu ainda sentia falta de alguém, uma pessoa específica com quem eu havia combinado de me encontrar nesta reunião. A atriz Zuzu Leiva que faz a Bruxa do Chocolate e viria justamente para conversar comigo e com o Spaca sobre nossos projetos em comum e eis que surge Zuzu vestida de vermelho da cabeça aos pés, como uma sacerdotisa adentrando ao grande templo do conhecimento e da produção cultural,  se oferecendo como uma musa em sacrifício a um novo projeto, uma nova concretização da manifestação criativa da mente de alguém, que é a função primordial do ator, ceder o próprio corpo para que um personagem possa viver e contar ou recontar um história. A atriz estava presente.
Não é por acaso que os mistérios das sociedades herméticas geram tanto assunto entre os detentores da produção criativa, tudo o que envolve um pouco de exclusividade seduz qualquer um que ainda não tenha sido iniciado.
Para aumentar a similaridade com uma típica missa negra, após um breve bate papo de abertura de trabalhos onde ao invés de cânticos ritualísticos, foram relembrada histórias e comentadas  situações pelas quais passam todos os integrantes da sociedade reunida no local e após tantas evocações e invocações,  surge o grande representante de todos os presentes, o líder natural e integrante mais antigo de todos os iluminados que ali estavam, tanto novos quanto antigos. Aquele que  tudo vê e sabe dizer o que é e o que nao é, como um Belzebu adentrando o recinto,  Álvaro de Moya, acompanhado por seu séquito, todos o reverenciam e continuaram a cerimônia que ainda reservava mais uma curiosa surpresa, a presença da jovem autora Bárbara Nágel que juntamente com o Spaca, eu auxilio no preparo de sua publicação de estréia que se trata de nada menos que um roteiro que sugere a destruição do planeta Terra. Bárbara chega ao evento acompanhada do irmão mais novo e dos pais oferecendo a própria filha aos mistérios do mundo da produção cultural, recebida no fechado porém não tanto quanto parece, “clube”. A virgem que se transforma em musa e que de musa se tornará também uma sacerdotisa do conhecimento, levando a luz de sua criatividade aos escuros corações e mentes vazias, famintos por diversão, conhecimento e influência, todos querem um líder, todos anseiam por alguém para seguir como modelo e a presença da jovem Bárbara nesta reunião tão hermética de iluminados confirma o seguimento da tradição que é a produção de livros.
A cerimônia seguiu celebrando a criatividade, a genialidade e a luz da criação editorial. Imagino que não seja nada diferente do que acontece numa reunião de uma sociedade secreta.
Texto: Denison Lemos 

domingo, 7 de maio de 2017

Estúdio EMT lança a revista da “Turma Starkids 01” com Atividades Interativas na Amazon.



Preparada cuidadosamente pelo Estúdio EMT, a revista da Turma Starkids, volta a ser publicada em forma de e-book pela Kindle/Amazon.

A revista que esteve nas bancas e livrarias de todo o Brasil na década de noventa, está de volta com novas Brincadeiras e Atividades Interativas, para que os pequenos possam se divertir, usando os aparelhos digitais.

A publicação pode ser adquirida no Site da Amazon, clicando neste link: https://www.amazon.com.br/dp/B071VH922G.

Serviço:
Revista Turma Starkids 01 – (E-book)
Autor: Moacir Torres
Editora: EMT – Kindle/Amazon

Lançamento - O Bilhete do Morto - Cláudio Feldman - Editora Taturana

Foto: Dgabc

Paixão que vem de berço

Contar histórias é sem dúvida um dom que o escritor Claudio Feldman, 72 anos, tem desde muito cedo. 
Prova disso é que hoje, a partir das 10h, ele lança em São Caetano, na Academia Popular de Letras (Biblioteca Paul Harris), O Bilhete do Morto (Ed. Taturana, 69 páginas, R$ 25, em média), 54º livro de sua carreira. “Desde criança gostava muito de ler. 
Nasci em Bauru, no Interior no Estado. 
Lá não tem o tipo de diversão que tem aqui e uma das janelas para o mundo era ler. 
Acabei também quase que automaticamente escrevendo”, relembra ele.

Parte de uma trilogia que nasceu em 1980 com a publicação de Caim & Cia Ilimitada, a obra é a terceira publicação da série e contém 13 contos criminais, uma das paixões de Feldman. “Sempre gostei muito de ler obras policiais e sempre tentei escrever essas coisas porque você sempre quer colocar na obra aquilo que você gosta. 
Quando lancei Caim & Cia Ilimitada, um crítico me disse que precisava ser mais desenvolvido e alguns contos deste livro estão em nível de boas histórias policiais. Acho que são as melhores que já escrevi”, garante.

Entre os contos reunidos em O Bilhete do Morto, Feldman cita que seus prediletos são Meu Sequestro, O Guarda-Costas e o que dá título à obra.

Mas a paixão de Feldman por escrever não se resume a contos policiais. Muito pelo contrário. Seu primeiro livro, publicado em 1969, era de poesia. 
“Durante muito tempo me chamaram de poeta, mas depois enjoei e passei a escrever outras coisas”, conta. 
Desde então não parou mais. Entre suas publicações estão peças de teatro, histórias infantis, crônicas, poesias, contos, romances, e por aí vai.

Em 1944 ele se mudou para Santo André, aos 15 anos, quando começou a trabalhar com o pai como roteirista. “Fiz isso durante muitos anos, mas alternadamente escrevia meus livros”, diz.

PROGRAMAÇÃO
O lançamento de O Bilhete do Morto faz parte da programação do Sábado Literário da Biblioteca, que contará também com sarau de escritores. Além do livro de Feldman, o escritor Eduardo Raciunas também lança Um Pouco da História de Vilma Joana. A entrada é gratuita.

O Bilhete do Morto – Literatura – Academia Popular de Letras – Avenida Dr. Augusto de Toledo, 255 – São Caetano. Hoje, a partir das 10h. Entrada gratuita. Fonte: http://www.dgabc.com.br.

sexta-feira, 5 de maio de 2017

Go Panda! Primeira webcomic com conteúdo gratuito e que premia os seus leitores mensalmente!


Go Panda!​ É uma webcomic (história em quadrinhos feita para mídias digitais) sobre um homem  misterioso que acorda num beco com uma bomba-relógio presa ao braço e um bilhete com o endereço  onde encontrar a pessoa que lhe deu esse “presente de grego”.
Vestindo um terno velho e uma balaclava de Panda, ele segue pela cidade acabando com todos a sua frente antes que o  tempo acabe e a  bomba exploda.

O objetivo do autor é fazer uma homenagem aos quadrinhos, filmes e outras coisas relacionadas a  cultura B ( games de "briga de rua", filmes trash, exploitation, chambara, kung fu movies, noir, tokusatsus e etc.)  ao mesmo tempo em que explora formas diferentes de trabalhar a narrativa das histórias em  quadrinhos.
O diferencial da webcomic é o fato dos leitores decidirem os rumos da história a cada atualização e  assim concorrerem a prêmios mensais.
Além de divertir e servir de escapismo para os leitores com uma história simples, bem humorada e  descompromissada, criando desta maneira interatividade e aproximação com o público/leitor,

O autor aposta no diferencial dos leitores decidirem os rumos da história a cada atualização através de  votação na própria página, onde haverá alternativas de ações que o personagem principal possa tomar.
As atualizações continuarão todas as quartas-feiras ao meio dia. Sendo realizado no final de cada mês os sorteios de brindes exclusivos para os leitores que votarem durante o mês e seguirem a webcomic nas redes sociais da Go Panda!.
Nesse  mês de estreia o brinde será uma camiseta exclusiva da série.

O primeiro capítulo será lançado na Quarta-Feira (10/05) às 12:00 hs no site:

Sobre o autor:
Rafael Anderson é um ilustrador e quadrinista Pernambucano.  Atuando no mercado há 10 anos. Foi ilustrador dos Jornais Folha de Pernambuco e Diário de  Pernambuco, atualmente ilustra para livros e revistas.
Já publicou  seus quadrinhos autorais em publicações como a revista Mad, coletânea Inkshot, entre outras. Foi um dos criadores e editor da  Revista independente Xorume.
Go Panda! É sua primeira inserção no mundo das webcomics.

quinta-feira, 4 de maio de 2017

Lançamento - Proscrito - O Arcanjo Maldito - HQB - Universo Don Comics


A Revista Proscrito 01 foi lançada impressa pelo selo do universo Don Comics Brasil, criado por Rodrigo Marcondes roteirista e criador dessa personagem e muitas outras que fazem parte deste Universo que começou a ser esboçado no ano de 1988, mas somente em 2015 teve o inicio de sua Produção.
Rodrigo Marcondes ator e diretor de teatro profissional com uma carreira de 25 anos de estrada nas Artes Cênicas, nunca deixou de criar para os quadrinhos, mas transformou o sonho de realizar suas produções de quadrinhos apenas no ano de 2015, aos 40 anos de idade, lançando duas revistas de uma Saga de 7 revistas, Os Indestrutíveis - Origens, foi lançada primeiramente na Gibiteca de Santos, e depois no FIQ 2015 em Belo Horizonte.
Este ano Marcondes trás para seus leitores o arco de histórias de anti-heróis e criaturas sobrenaturais que vem na Saga PROSCRITO, um Arcanjo que foi amaldiçoado a ter que viver junto a humanidade que ele mais detesta. Este anti-herói que já pertenceu aos Arcanjos Celestiais e que possui o poder divino de ressuscitar os mortos tem sua origem contada num roteiro eletrizante de Marcondes, com arte e cores de Carlos Eduardo Ki Hap e letras e edição de Lancelott  Martins, numa revista inteiramente colorida, com capa em couchê 150, miolo couchê 115 de gramatura, em 12 páginas. A revista teve lançamento oficial no Sebo Café em Praia Grande, com enorme sucesso de público.
No próximo dia 28 de maio, vem o lançamento da Revista Proscrito 2 que trás a SAGA INFERNO - Origem da Sociedade Alfa, que será contada em 16 páginas, com Capa de Carlos Eduardo Ki Hap, arte de Serj D'lima e letras e edição de Lancelott Martins.
O lançamento da revista impressa, que vai revelar novos personagens do Universo Don Comics Brasil acontecerá às 16 horas,do dia 28 de maio no Espaço Cultural Quintal do Teatro Genoma, na rua Tupi, 691, na cidade de Praia Grande, num grande evento cultural, com teatro, música e poesia, difundindo a arte dos quadrinhos com as demais artes.
Para quem quiser saber mais, ou adquirir a Revista Proscrito 01, ou reservar a Revista Proscrito 2, entre em contato pelo e-mail: doncomicshq@outlook.com ou no whatzapp (13) 988829253.
Vem para o Universo Don Comics, descubra os quadrinhos Brasileiros!