terça-feira, 17 de julho de 2012

Prêmio Agostinho de Cultura segue com inscrições abertas até o final deste mês


Gabriel Araújo dos Santos, Margareth Brandini Park e Teresa Candolo. Embora apresentem estilos literários bem diferentes, há um fator que é comum entre eles: todos tiveram textos vencedores no 2° Prêmio Agostinho de Cultura. A iniciativa chega em 2012 a sua 3ª edição e segue com inscrições abertas até o dia 30 de julho.

Juntos, os escritores totalizam seis publicações reveladas no prêmio, que serão lançadas até o final deste mês pela Editora Adonis: 
Policarpo; A farofa para o Ano Novo; O Vô, suas histórias e brincadeiras; e Candinho e suas histórias (de Gabriel Araújo dos Santos); A Seriema e o Pescador; e Sangue de Refrigerante (de Margareth Brandini Park e Teresa Candolo, respectivamente). 

Regulamento

Para participar do prêmio, os escritores devem ter, no mínimo, 18 anos e apresentar textos originais direcionados a leitores com idade entre 3 e 12 anos, por meio de cinco categorias: primeiro leitor, leitor iniciante, leitor em processo, leitor infantojuvenil e neoleitor. O candidato poderá inscrever, através de pseudônimo, mais de um original, escrito em Língua Portuguesa e no gênero ficcional em prosa. 

Serão utilizados como critérios para avaliação: trabalho estético com a linguagem, coerência, construção do narrador, car acterização dos personagens, ambientação e temporalidade, e potencialidade interpretativa. O júri responsável pela escolha dos originais será nomeado pela Editora Adonis e formado por especialistas em literatura, a exemplo das demais edições do prêmio. 

Os textos escolhidos irão compor a 
Coleção 
Contando Histórias, com tiragem inicial de 3 mil exemplares por título. O regulamento completo do prêmio está disponível no site www.editoraadonis.com.br. Para efeito de inscrição, será considerada a data de postagem do material encaminhado pelos Correios. Outra s informações sobre o concurso também podem ser obtidas pelo telefone (19) 3471-5608 ou e-mail contato@editoraadonis.com.br.

Nenhum comentário: